No blog

Campanha "Imposto Justo Para Video Games"

quinta-feira, 24 de junho de 2010

VUVUZELA!

Vuvuzéla:

Versão Joselito Perfeita kkkkkkkkkkkkkkkk

  

  

  

terça-feira, 1 de junho de 2010

Resident Evil - HISTÓRIA



O enredo de Resident Evil original gira em torno de uma série de casos de homicídio envolvendo canibalismo ocorridos em Arklay Mountain (Montanhas Arklay), ao norte da ficcional Raccoon City, em Julho de 1998. O S.T.A.R.S. (Special Tactics And Rescue Service), é designado para investigar a fonte de tais assassinatos. O primeiro grupo enviado chama-se Bravo Team.
Após fazerem uma aterragem forçada na floresta, por problemas técnicos, o Bravo Team começa a procurar evidências para serem usadas em investigações.Rebecca Chambers, a mais nova do grupo, encontra uma pasta num carro policial aparentemente atacado por alguém e descobre que o carro levava um assassino perigoso, o ex-tenente Billy Coen, que estava sendo transportado para ser executado. Logo o tomam como suspeito dos crimes e se dividem à busca dele.
Quando o Bravo Team perde contacto com a base e desaparece misteriosamente, o Alpha Team é enviado em uma missão de resgate. Após serem atacados, eles acabam indo parar em uma mansão aparentemente abandonada, onde o grupo se depara com zumbis e outras criaturas, levando-os a descobrir os cadáveres de seus companheiros na casa. Ainda descobrem que a mansão é, na verdade, uma fachada de um laboratório secreto pertencente à multinacional farmacêutica, aUmbrella Corporation. Descobrem, também, que as criaturas são o resultado de experiências com um vírus geneticamente modificado chamado T-Virus.
Eventualmente, das duas equipes S.T.A.R.S., Alpha e Bravo, apenas seis membros sobreviveram ao incidente. São eles: Chris Redfield, Jill Valentine, Barry Burton, Rebecca Chambers, Brad Vickers e Albert Wesker, tendo este último traído a sua equipe e dado como morto na mansão(na verdade, Wesker era um agente da Umbrella com a missão de usar o S.T.A.R.S. como cobaias, a fim de testar a capacidade das armas-biológicas, gerando dados de combate para a Umbrella melhorar seus experimentos). No entanto, Wesker injectou em si mesmo um vírus dado por Birkin, que lhe garantia a "volta a vida" após um ataque mortal, que no caso, gerou a falsa morte do Wesker. Os S.T.A.R.S. conseguiram contactar novamente Brad, que os resgatou, e a mansão explodiu com o sistema de auto destruição que foi activado. Wesker também conseguiu sair, e agora age nas sombras, controlando seus próprios planos tanto contra os S.T.A.R.S. quanto a Umbrella, planeando um golpe para roubar todos os conhecimentos da empresa para derrubá-la e criar sua própria empresa farmacêutica.
Chris e os S.T.A.R.S. remanescentes retornam então a Raccoon City para tentarem alertar as autoridades sobre as farças da empresa. Porém, as acusações não surtem o menor efeito, pois todos achavam que o relato não passava de pura invenção por parte de Chris e Jill. Com seu senso de justiça falando mais alto, Chris Redfield decide agir por conta própria e começa a perseguir a Umbrella, buscando provar tudo aquilo que eles haviam dito, ao seu lado, as únicas testemunhas do caso, Jill e Barry. O rapaz viaja para a Europa, onde seria a localização de uma das bases da empresa, ele poderia achar provas o suficiente sobre a produção de armas biológicas.
Com um novo vírus desenvolvido, seu criador, o cientista William Birkin, tenta fugir para que seu G-Virus não seja usado da mesma forma que a versão anterior - o T-virus - pela Umbrella Corporation. A empresa manda seus mercenários com o intuito de recuperar seu investimento. A equipe de ataque chega no laboratório de Birkin abaixo de Raccoon e tomam à força o G-Vírus do cientista. William, mortalmente ferido, não permitiria tal ato, e injeta em si mesmo o G. Como na teoria, os efeitos do G-Vírus é devastador, e William sofre uma abominável mutação, e persegue e mata os agentes que roubaram sua criação. No ataque, diversos frascos são quebrados nos esgotos, e os ratos consomem os líquidos infectados. A maior parte da população da cidade se transforma em zumbis, deixando apenas alguns sobreviventes tentando achar um modo de escapar da cidade com vida.
Ainda na cidade de Raccoon para ver a reação da Umbrella perante as acusações,Jill Valentine estava pronta para encontrar-se com Chris na Europa, mas o T-vírus já havia tomado conta de boa parte da cidade, e os cidadões, zumbis. A moça sai de seu apartamento e tenta fugir da cidade antes que seja tarde demais. Ela conhece o sul-americano Carlos Oliveira, membro de um esquadrão especial destacado pela Umbrella Corporation para salvar os sobreviventes, o que não passa de uma fachada para a multinacional sair isenta de culpa e, também, para enviar Nemesis, a fim de eliminar os últimos membros do S.T.A.R.S.. Nemesis mata o outro sobrevivente do S.T.A.R.S na cidade, Brad Vickers. Inicialmente, Jill não confia muito em Carlos, pois o mesmo servia a Umbrella, mas o jovem revela que não fazia idéia das ações ilegais secretas da Umbrella, e ambos passam a cooperar para sair da cidade. Em um dos embates contra Nemesis, Jill é mortalmente infectada. Carlos a leva para um lugar seguro e pensar no que fazer antes do vírus tomar conta do corpo da ex-S.T.A.R.S.
Leon S. Kennedy inicia seu primeiro dia como policial da R.P.D (Raccoon Police Department) em Raccoon City. Ao dirigir-se para a cidade, a encontra completamente em ruínas e infestada de pessoas carnívoras. Claire Redfield também se dirige para lá, à procura de seu irmão, Chris Redfield, que não deu mais notícias. Leon conhece Ada Wong, mulher que se apresenta como uma simples civil em busca de seu namorado em meio aquele caos, enquanto Claire encontra a filha de William Birkin, Sherry. Um fato desconhecido para Leon sobre Ada, era que, ele estava se apaixonando por uma espiã que estava em busca de uma amostra do G-vírus. Um Tyrant fora solto no departamento de polícia, onde Leon, Ada, Claire e Sherry estavam abrigados. O monstro também estava em busca do G-vírus. Ada é ferida em um dos confrontos com a criatura, ela finge-se de morta para não envolver Leon em sua missão. Leon e Claire conseguem, juntos, destruir o laboratório subterrâneo da Umbrella e escapar através da linha de metrô, levando Sherry consigo. Após isso, Claire sabia que deveria continuar sua busca por Chris, e prossegue em sua jornada de busca.
Hunk, agente do time de ataque da Umbrella que foi trucidado por William Birkin, se levanta nos esgotos da cidade dias depois da missão. Hunk foi o único sobrevivente, e ainda estava com uma amostra do G-Vírus em mãos. Sem perder tempo, ele contata seu suporte aéreo e se desloca até um ponto de encontro e é resgatado, entregando o poderoso vírus para a Umbrella.
Um dia depois, Carlos tem acesso ao hospital de Raccoon City e consegue uma vacina para o vírus no corpo de Jill, fazendo-o ficar em estado latente, sem causar danos a ela. De volta às ruas da cidade zumbi, é revelado que o governo pretende bombardear Raccoon City com um míssil nuclear, assim, sendo o único recurso para destruir a infecção viral. Mas Nemesis torna a dificultar as coisas para Jill e Carlos. Naquele mesmo tempo, Ada se levanta e tenta sair o mais rápido possível da cidade, ela estava levando uma amostra do G-vírus. O mercenário Wesker contata a espiã, proponto uma troca: o vírus pelo meio seguro de sair da cidade. Ela logo aceita e vai ao local destinado. O G-vírus agora esta nas mãos de Wesker. Por fim, Nemesis é finalmente destruido e Barry, pilotando um helicóptero, resgata Jill e Carlos. Tudo o que eles tem de fazer agora é sair e assistir à destruição total da cidade de Raccoon, que se reduziu a um imenso deserto.
Leon aceita receber um treinamento especial para servir ao governo americano enquanto Sherry fica sob tutela do mesmo.
Três meses depois da destruição da cidade, Claire Redfield segue à procura de seu irmão, agora temendo que a Umbrella o tenha capturado. Ela invade a sede da empresa em Paris, mas com o poder da empresa, os esforços da garota são inúteis e ela acaba presa e enviada para a Ilha Rockfort, propriedade da Umbrella e lar dos irmãos Alfred e Alexia Ashford, netos de um dos fundadores da Umbrella, Edward Ashford. A ilha era um enorme centro de treinamento, mas também aprisionava as pessoas que um dia tentaram algo contra a Umbrella. Mas Claire fora enviada para ilha no mesmo dia em que Albert Wesker arquitetou um ataque contra a instalação. Wesker estava em busca de um vírus conhecido como T-Veronica. O ataque causou um vazamento com o T-Vírus que afetou a maioria dos prisioneiros de lá. Claire consegue escapar de sua cela e se une a um outro prisioneiro que não foi infectado, seu nome era Steve Burnside. Claire envia uma mensagem de socorro para Leon, mas como não havia garantia de um resgate, Claire e Steve tentam escapar. Eles descobrem os segredos e origens da família Rockfort e são constantemente perturbados por Alfred, que estava transtornado com todo aquela destruição em sua ilha. Claire e Steve conseguem um avião mas acabam parando em uma outra base da Umbrella no Ártico e caem em um armadilha dos Asfords. Chris Redfield parte imediatamente para a ilha, ao saber através de Leon que Claire havia sido presa pela Umbrella. Wesker percebe a presença de Chris na ilha e agora quer vingança contra o ex-S.T.A.R.S. Chris segue o rastro da irmã e consegue encontrá-la. Mas eles ainda deviam dar conta de Alexia Ashford, que foi libertada por seu irmão e agora a moça vingativa busca a morte de Chris e Claire. Wesker também estaava atrás de Alexia pelo fato do corpo dela abrigar a única amostra do T-Verônica. Por fim, Chris encontra sua irmã, Alexia é destruida e consegue escapar da ilha. Wesker conseguiu obter o T-Verônica extraindo-o do corpo infectado de Steve.
Há relatos sobre o envolvimento da Umbrella com um traficante conhecido que atua em um vilarejo numa área florestal da América do Sul. O severo homem é conhecido como Javier Hidalgo. Leon é enviado a mando do governo para investigar o caso. Para acompanhá-lo, é solicitado o veterano de guerra Jack Krauser. Eles acabam tendo de combater as pessoas que foram vítimas de um incidente biológico.
Em 2003, a Umbrella, já debilitada e ainda sujeita a várias investigações, inicia o projeto na construção de uma nova e poderosa arma biológica de guerra, o T-A.L.O.S., Tyrant altamente encouraçado e inteligente em combate. A Umbrella acreditava firmemente que a B.O.W. poderia reviver o prestígio da empresa, até então morto. Sabendo da nova ação, Chris Redfield lidera uma equipe especial anti-Umbrella, e ao seu lado, a sua parceira Jill Valentine. A equipe segue até o Cáucaso, Rússia, localização da base onde a B.O.W. estava sendo projetada. Ao chegar, a dupla enfrenta os já conhecidos zumbis, e também o T-A.L.O.S., provando que os boatos eram verdadeiros, enquanto Albert Wesker, que ao mesmo tempo estava na base, desliga o sistema de defesa da Umbrella, a Rainha Vermelha, e coleta todos os dados da empresa, fugindo logo depois.
Após a resolução de várias investigações o governo dos Estados Unidos da América decidem encerrar as atividades a Umbrella Corporation, a qual é desativada permanentemente. Mesmo assim, diversas armas biológicas, fruto do legado negro da empresa, começaram a aparecer pelo mercado negro. Temendo o fato dessas B.O.W.s caírem em mãos de terroristas, foi criada a Aliança de Avaliação e Segurança em Bioterrorismo, ou B.S.A.A., grupo especial que se dedica no combate direto contra esse tipo de ameaça. A B.S.A.A. foi dividida por todo o mundo, possuindo uma divisão em cada continente. Os veteranos Chris Redfield e Jill Valentine afiliam-se ao braço Norte Americano da empresa, sendo um dos 11 membros originais.
Um ano depois, a filha do presidente do Estados Unidos é sequestrada por um grupo estranho no campus da univerdade. Leon S. Kennedy, agora um agente especial sob a jurisdição do presidente, encontra-se na Espanha, com a missão de resgatar Ashley Graham. Logo, Leon descobre que este grupo chamado "Los Illuminados" é, na verdade, um culto religioso, que utiliza um tipo de parasitas antigos conhecidos como Las Plagas (As Pragas) para transformar suas vítimas em psicopatas controlados mentalmente, chamados de "Ganados". A fim de evitar um novo desastre, Leon tenta apanhar a amostra com o parasita original e destruí-la. No desenrolar da história, Leon depara-se com um cientista chamado Luis Sera, que tenta, sozinho, destruir os planos do grupo "Los Illuminados". Tal grupo é liderado pelo Chefe Bitores Mendez, por Ramon Salazar e pelo misterioso Osmund Saddler, que tem um grande interesse nos acontecimentos de Raccoon City.
Durante seus confrontos com "Los Illuminados" Leon reencontra Ada Wong, a quem conhecera durante sua luta para destruir o laboratório subterrâneo da Umbrella em Raccoon City. Sua surpresa é grande, já que pensava que Ada não havia sobrevivido à destruição. Mas ela não só sobreviveu como está trabalhando em associação com Albert Wesker, que pretende usar o parasita Las Plagas para fins pessoais. Ao final, Ada consegue fugir, levando a amostra do parasita para Wesker. Leon foge da ilha com Ashley.
Um ataque terrorista ocorre em um aeroporto de Harvardville no ano de 2005, envolvendo uma queda de um avião e uma rápida infestação de vírus. O local foi posto em quarentena para que o governo realizasse uma investigação. Leon é mandado com uma equipe da S.R.T.(Special Response Team). Eles encontram um pequeno grupo de pessoas que não foram infectadas em uma das salas do aeroporto. Nesse grupo estava Claire Redfield, uma vez no aeroporto cumprindo um de seus deveres dentro de uma ONG chamada Salve a Terra. Claire e Leon se reencontram novamente desde 1998, na ocasião onde Raccoon City foi infecatada. Equipes especiais chegam ao aeroporto para conter os zumbis. Leon e Claire ainda desmararam um plano de contrabando do T-vírus.
Ozwell E. Spencer, um dos criadores da Umbrella, é finalmente localizado através de fontes confiáveis de Chris e Jill. A dupla segue então ao local sugerido, para questionarem o velho homem sobre o paradeiro do terrorista Wesker. O que ninguém esperava é que o próprio Wesker já estava no local e havia matado Spencer, depois de saber sobre toda suas ambições e planos para a Umbrella. Inicia-se então uma épica luta, e mesmo com suas habilidades em combates, Chris e Jill não são páreos para as poderosas investidas de Wesker, abusa de sua velocidade e forma sobre-humana que recebeu do vírus. O combate termina quando Jill, em um momento desesperado, se agarra à Wesker e se joga de um precipício, rumo ao agitado mar. O desfecho da missão abalou Chris, que rapidamente iniciou uma busca por Jill, mas nada foi encontrado em três meses de busca.
Uma década depois do incidente em Raccoon City e 2 anos desde a morte de Jill, Chris já se vê cansado de tanto lutar contra o perigo biológico deixado pela Umbrella, sendo motivado apenas por realizar um dos sonhos de Jill, que era ver todas aquelas B.O.W.s serem erradicadas. Lutanto incansávelmente, o agente já havia acumulado muitas missões bem sucedidas, tornando-o um membro bastante conhecido e respeitado por toda a B.S.A.A. A empresa decide enviá-lo para uma missão de captura na África por um vendedor de bio-armas pelo mercado negro, Ricardo Irving. Com Chris no caso, a B.S.A.A. sabia que as chances de sucesso eram altas. O agente chega no local destinado, na Zona Autônoma de Kijuju(ZAK), ou simplesmente Kijuju. Sheva Alomar, membro da frente oeste da B.S.A.A. na África é escalada para levar Chris até o local da negociação do terrorista, pela moça conhecer bastante sobre a geografia da pequena cidade. A dupla não contava pelo fato de Irving ter descoberto o plano de missão da B.S.A.A. e liberado uma versão melhorada do La Plaga na vila, infectando todos os habitantes, pouco antes da equipe chegar. Ambos então lutam contra o novo tipo de inimigo. Chris de certa forma sabia como enfrentar aquele tipo de criaturas, já que leu o relatório feito por Leon sobre sua jornada na Europa.
Durante a aventura, Chris descobre, usando alguns arquivos coletados pela equipe de Josh Stone, que sua amiga e parceira Jill não estava morta, e passa a deixar a missão de lado e dar prioridade ao resgate de Jill. Sheva não sabia muita coisa sobre o passado de Chris, mas mesmo assim o acompanha, mostrando ser uma grande companheira. Enquanto isso, Wesker dá seus últimos passos na conclusão do projeto Uroboros. Seu plano consistia em liberar o novo vírus na atmosfera terrestre, infectando o mundo inteiro e criado seres superiores, assim, gerando uma nova seleção natural e Wesker poderia se tornar um completo deus. O vilão recebia o apoio de Excella Gionne, representante da TriCell Africa. Cruzando novamente o caminho de Wesker, Chris encontra-se com Jill, que até então estava sob domínio de Wesker. Porém não havia tempo para conversas, já que Wesker estava a caminho de liberar o Uroboros. Jill manda Chris seguir e impedir o plano de Wesker. Chris, sendo auxiliado por Sheva, enfrentam bravamente Wesker. O jato que levava o Uroboros e o trio perde o curso, colidindo-se contra um vulcão em erupção. Tentando dar um basta, Wesker se alto infecta com Uroboros, tento um último embate contra Chris. A dupla trabalha em equipe e derrotam Wesker, que mergulha na lava. Um helicóptero surge, pilotado pelo capitão Josh e Jill também estava dentro, arremessando uma escada para Chris e Sheva. Não aceitando a derrota, Wesker tenta derrubar o helicóptero, mas Chris e Sheva se equipam com duas lança foguetes e acertam simultâneamente Wesker, destruindo-o completamente. Chris, Jill, Sheva e Josh foram os únicos sobreviventes da missão. Wesker havia sido derrotado, mas Chris e Jill ainda terão muito trabalho pela frente já que pretendem destruir completamente o legado negro deixado pela corporação Umbrella.

fonte:
WikiPédia

segunda-feira, 31 de maio de 2010

sexta-feira, 28 de maio de 2010

POKEMON ADVENTURE - KANTO E JOTHO

Para aqueles que conhecem pokemon gostaria de informar que existe o manga (ou mangá), infelizmente ele não fez tanto sucesso aki no brasil, pelos mesmos motivos que o Sanji (One Piece) em vez de fumar um cigarro fica com um pirulito graças a censura do EUA, e também por causa do anime que não tem nada a ver com a historia do manga (ou mangá).

O manga (ou mangá) segue fielmente a historia do jogo, logo o jogo foi baseado no manga (ou mangá), ou foi ao contrário...? O.o

Enfim, chega de papo para maiores informações clique aki (pokeplus.net) lah vc encontrá jogos, animes, filmes, dicas e etc...

Esses foi o único site do Pokemon que eu achei na minha opinião completo (:D), fale apenas salva-lo no seus favoritos

Lembrando pessoal vcs poderam encontrar os livros do Resident evil aki
E os mangás (ou mangas) do FullMetal Alchemist aki

boa leitura!






domingo, 23 de maio de 2010

FANTOCHE INFANTIL

Estórias com Fantoches                                                                                                                            

quinta-feira, 20 de maio de 2010

ANGEL FALL DOWN

quarta-feira, 19 de maio de 2010

KINGDON HEARTS 03 - OPENING





terça-feira, 18 de maio de 2010

CÉLULA SEMANA 17/05 À 23/05/2010

TODA SORTE DE BENÇÃO
LETRA NO VIDEO


O SOM DA ALEGRIA


Senhor deixa-nos ouvir (senhor deixa-nos ouvir)
O som da alegria (o som da alegria)
Senhor deixa-nos ouvir (senhor deixa-nos ouvir)
O riso dos anjos
Em sua presença, em sua presença
Em sua presença, em sua presença
Em sua presença, em sua presença
Em sua presença, em sua presença

Eu quero me envolver com a sua alegria
Eu quero beber do seu vinho novo
E me embriagar com seu espírito santo
E te celebrar no meu do seu povo

Então eu correrei
E eu gritarei
E eu aplaudirei ao senhor
No meio do seu povo!

Se o sol se por
E a noite chegar
Tu és quem me guia
Se a tempestade me alcançar
Tu és meu abrigo
Se o mar me submergir
A tua mão
Me traz a tona pra respirar
E me faz andar
Sobre as águas
Tu és o Deus da minha salvação
És o meu dono da minha paixão
Minha canção e o meu louvor
Aleluia, Aleluia (24x)
Se o mar me submergir
A tua mão
Me traz a tona pra respirar
E me faz andar
Sobre as águas
Tu és o Deus da minha salvação
És o meu dono da minha paixão
Minha canção e o meu louvor

quinta-feira, 13 de maio de 2010

CÉLULA SEMANA 10/05/2010 - 16/05/2010



Nova Criatura

A minha vida é Tua vida
Tudo que sou é totalmente Teu Senhor
O meu presente e o meu futuro Te entreguei
E o meu passado afoguei
No mar do esquecimento do Senhor
Nova criatura eu sou
Nova criatura
Eu não sou tudo o que você precisa
Ainda não sou tudo aquilo que eu queria ser
Mas uma coisa eu sou,
não abro mão, não
Nova criatura sou
Nova criatura
Ah, eu sou nova criatura
Nova criatura eu sou
Ah
Aquele que está
em Cristo
morreu pro mundo
Ah
Aquele que está
em Cristo
Vive
pra Deus, sim.


Dançar na Chuva

Novo caminho para andar,
Novo sonho pra sonhar,
O deserto não é o meu lugar.
Nova vida ele prometeu,
A todo aquele que nele crê,
O mar a nossa frente se abrirá.
Nova criatura sou,                    
O velho homem já morreu,
Eu vou dançar naquela terra
Que ele prometeu
Eu vou, eu vou.(2x)
Eu vou dançar na chuva...(2x)
Dance, dance, dance
Dance, dance, dance
Dance, dance, dance...
Nova criatura eu sou velho homem
Já morreu vou dançar naquela terra que ele prometeu
Eu vou, eu vou, vou dançar na chuva...


Um Chamado

Eu não vou parar, a estrada é muito longa vou continuar.
Mesmo em meio às lutas, eu não estou só e te sinto aqui.
A vida é mesmo assim, tantas aflições eu tenho que enfrentar
Mas o Senhor está sempre a me proteger te sinto aqui
Quando o vento sopra contra mim
Os problemas tentam me abater
Eu me lembro, o grande Eu Sou me enviou.
(Refrão)
Eu tenho um chamado jamais vou me calar
Eu tenho um chamado o evangelho anunciar
Eu fui escolhido no ventre da minha mãe
Eu sei que Deus não abre mão de mim não.
(2X)
Há muito pra fazer não há mais tempo pra olhar pra trás ...





quarta-feira, 12 de maio de 2010

PARODIA









QUERIDO PRESIDENTE



POR QUE DEVEMOS TER CUIDADO

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Versiculos sobre o que é o AMOR

(I Corintios 13:1) - AINDA que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como

o metal que soa ou como o sino que tine.
(I Corintios 13:2) - E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a

ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada

seria.
(I Corintios 13:3) - E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que

entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.
(I Corintios 13:4) - O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade,

não se ensoberbece.
(I Corintios 13:5) - Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita

mal;
(I Corintios 13:6) - Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
(I Corintios 13:7) - Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
(I Corintios 13:8) - O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas,

cessarão; havendo ciência, desaparecerá;
(I Corintios 13:9) - Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;
(I Corintios 13:10) - Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado.
(I Corintios 13:11) - Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino,

mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.
(I Corintios 13:12) - Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço

em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.
(I Corintios 13:13) - Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o

amor.

VIDEO SEM NOÇÃO!!!

REALMENTE ESSES CARAS SÃO OS CARAS, É MUITO MASSA!
COMPREI UM PATINHO...



O ÓCULOS DA MINA É TIPO BLACK KAMEN RAIDER



MOYMOYPALABOY ESSES CARA







MEGA64...













RUINDOWS



RUINDOWS vs MAC

object width="400" height="385">


MATRIX NA RUINDOWS

sábado, 8 de maio de 2010

Uma palavra de exortação para os filhos dos crentes que ainda estão perdidos

Nasci a 13 de Outubro de 1964 de pais que ao tempo já eram Cristãos pelo que desde a minha mocidade estive em contacto com Cristãos e cresci com uma instrução cristã. Sabia que Jesus Cristo tinha morrido sobre a cruz também pelos meus pecados, sabia que isto tinha sido a manifestação do grande amor que Deus teve pelo mundo inteiro, orava e cantava; a alguns crentes parecia até um Cristão porque aparentemente tal parecia para eles. Aos meus amigos não me envergonhava de dizer que era um ‘Cristão Evangélico’; não me envergonhava também de frequentar os locais de culto das Igrejas Evangélicas porque estava consciente de frequentar as pessoas justas mesmo se eu ainda estava perdido. Certo, chegado à idade de 16-18 anos, me dava fastio que o horário dos cultos coincidisse com os horários de algum programa televisivo que me agradava ou com alguma partida de basquetebol no pavilhão desportivo, pelo que preferia não ir ao culto (recebendo a pontual repreensão dos meus pais). Apesar disso continuava a sentir dentro de mim que ir ao culto era uma coisa justa. 

Quando tinha a ocasião disso atacava os padres, as estátuas, o incenso da Igreja Católica Romana, e me esforçava para demonstrar os erros da Igreja Católica Romana, mas é melhor dizer que fazia apenas conhecer a diferença entre nós e os Católicos romanos, apenas isso, naturalmente fazendo uso dos meus limitadíssimos conhecimentos bíblicos. Eu na realidade mais que confutar os Católicos Romanos fazia saber aos meus amigos as diferenças que eu via com os meus olhos entre os nossos ritos e as nossas práticas e as suas, tomando naturalmente a parte dos Evangélicos mesmo se não conseguia explicar biblicamente muitas coisas. Porém, ao mesmo tempo, me comportava mais ou menos como os Católicos; era um pecador. 

Como já disse, eu estava perdido. Estava perfeitamente consciente de estar perdido; no meu íntimo o sabia; estava seguro que se morresse naquele estado iria para o inferno. Muitas vezes de noite tinha pesadelos que me aterrorizavam; acordava assustado. A eternidade sem Deus me metia medo porque sabia ser um pecador diante de Deus e Ele os pecadores não os levaria para o céu. Só o pensamento de não ir para o céu me metia medo. Reflectia muitas vezes sobre o sentido da vida quando me encontrava sozinho; e quando considerava a minha existência chegava à conclusão que tinha uma vida inútil porque não conhecia e não servia o Senhor. Cá para mim dizia: ‘Mas para que serve viver uma vida como essa que eu tenho?’ e: ‘Que terei desta vida que não tem sentido porque tudo passa?’ 

Ouvi muitas vezes falar de Jesus e o apelo a aceitá-lo como pessoal Salvador e Senhor; e todas as vezes no meu interior se desencadeava uma luta tremenda. Sabia que devia fazê-lo para ser salvo, mas haviam forças espirituais adversas que me impeliam a resistir a Deus. Eu pensava que para a idade que tinha (era um adolescente) fosse ainda prematuro tomar esta decisão tão importante; pelo que adiava sempre. Deus me chamava ao arrependimento e a crer no seu Filho mas eu dizia para comigo: ‘Mais tarde, não agora’. Uma das razões porque adiava era a convicção de que quando cresse em Jesus Cristo a pouco e pouco perderia todos os meus amigos; tornaria-me inimigo deles pelo que me deixariam e para a idade que tinha, tendo presente que andava ainda na escola, não queria perdê-los. Esta convicção a tinha porque eu, embora fosse hipócrita e cobrisse muito bem a minha hipocrisia, tinha intenção um dia de deixar de ser hipócrita, isto é, o ‘cristão evangélico’ que quando estava na presença dos crentes fazia de crente e quando estava com os pecadores se conformava em agradar às suas concupiscências. Eu queria tornar-me um verdadeiro Cristão, um exemplo tanto para os incrédulos como para os crentes; sim, também para os crentes porque o que via com os meus olhos era que havia daqueles que diziam ter aceitado Jesus e que se tinham feito batizar mas faziam uma vida mundana: entre eles e os do mundo não via alguma diferença. Estava desgostoso por esta sua hipocrisia: eu ao menos não tinha decidido me batizar para testemunhar ter aceitado Jesus (e isto porque ainda não o tinha aceitado), mas eles sim (justamente porque diziam ter aceitado Jesus). Lembro que uma manhã, enquanto ia para a escola e me encontrava sozinho, falando comigo mesmo, disse: ‘Quando me converter, lhes faço ver eu!’ Disse essas palavras ingenuamente, mas sinceramente. O meu desejo, de facto, era o de deixar de ser hipócrita e fazer ver tanto aos do mundo como aos crentes que eu, aceitando Cristo, tinha decidido fazê-lo verdadeiramente não preocupado com a reacção alheia.  

No verão de 1983, depois de ter passado os exames de maturidade, fui de férias para Inglaterra. Fiquei por cerca de quatro semanas numa Escola Bíblica perto de Londres onde pagando a alimentação e o alojamento se podiam passar as  férias de verão (se tratava em suma de uma espécie de acampamento de verão). Durante a minha permanência naquele lugar, foi plantada uma tenda de evangelização no terreno pertencente àquele Instituto. Comecei então a sentir cada vez mais forte a necessidade de me decidir a crer em Cristo à medida que frequentava as reuniões. E assim uma tarde, depois de ter ouvido pela enésima vez o convite para aceitar Jesus como meu pessoal Salvador e Senhor, decidi arrepender-me dos meus pecados e crer em Cristo. Lembro muito bem que enquanto me encontrava em pé no meu lugar, enquanto eram cantados cânticos pelos presentes, convencido de pecado pelo Espírito de Deus, me arrependi de todos os meus pecados e me pus a chorar pedindo pessoalmente perdão a Deus e pedindo-lhe para me fazer um seu filho. O orgulho que por tantos anos me tinha impedido de me arrepender dos meus pecados e de me humilhar diante de Deus tinha sido derrotado com a ajuda de Deus. No instante senti como um peso sair das minhas costas e um gozo e uma grande paz vir para o meu coração. Saboreei assim a bondade de Deus, e desde esse momento fui certo de ter sido salvo do pecado e do inferno. Foi assim que começou a minha vida em Cristo. Regressado a Itália todos se aperceberam da transformação ocorrida em mim, e como tinha justamente previsto, a pouco e pouco todos os meus velhos amigos me deixaram. Mas o Senhor foi comigo fortalecendo-me  e confirmando-me na fé. 

Agora, me dirijo sobretudo a vós jovens e menos jovens que sois filhos de Cristãos mas que como eu o estive por muitos anos estais ainda perdidos, escravos de toda espécie de concupiscência levando a vida em malícia, ainda que por vezes consigais muito habilmente cobrir a vossa verdadeira conduta. Vós estais indo para o inferno, estai certos disto, porque ainda não sois nascidos de novo. Como sucedia a mim, ouvis também vós em várias circunstâncias chamar ao arrependimento mas resistis ainda a Deus. Vos exorto a não endurecer mais o vosso coração, arrependei-vos dos vossos pecados e crede que Jesus Cristo morreu pelos nossos pecados e ressuscitou ao terceiro dia para a nossa justificação. Esta é a Boa Notícia do Reino de Deus, poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê. Vos sentireis então renascer para nova vida e nunca mais sereis os mesmos. Deus vos dará um coração novo, feito de carne, no lugar daquele de pedra que tendes agora; e porá dentro de vós um espírito novo, o Espírito do seu Filho pelo qual começareis a clamar: ‘Aba, Pai’, no lugar do espírito do mundo que tendes agora o qual é um espírito de servidão. O medo do inferno se desvanecerá de vós porque tendo-vos tornado filhos de Deus vos tornareis herdeiros do Reino de Deus que Ele prometeu àqueles que o amam. A vossa vida adquirirá um sentido; até agora tendes servido o pecado, tendes conduzido um modo de viver vão, mas uma vez renascidos tudo mudará porque começareis a viver para o Senhor que morreu e ressuscitou por nós, e portanto uma vida ao serviço da verdade e da justiça. Esta é a vida que vale a pena viver, este é o modo de viver que tem uma recompensa no mundo que há de vir. Hoje, se ouvirdes a sua voz não endureçais o vosso coração. 

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Viciados em Mediocridade

DIA 01 - PARTE 01



DIA 01 -PARTE 02



DIA 01 - PARTE 03



DIA 02 - PARTE 01



DIA 02 - PARTE 02



DIA 02 - PARTE 03



DIA 02 - PARTE 04



DIA 03
Pessoal infelizmente não achei o dia 03 quando eu achar postarei o mais rápido possível!

segunda-feira, 3 de maio de 2010

quinta-feira, 22 de abril de 2010

David M. Quinlan - Aguas Profundas





Águas Profundas

Vem sobre nós
Como a chuva
Faça às águas subirem neste lugar
Libera o teu rio
Sem medidas
Vem tuas águas agitar
Pois eu quero nadar..quero nadar, no teu rio
Quero beber...quero beber, de tuas águas

Pois eu quero nadar..quero nadar, no teu rio
Quero beber...quero beber, de tuas águas
Vem sobre nós
Como a chuva

Faça às águas subirem neste lugar
Libera o teu rio
Sem medida
Vem tuas águas agitar
Pois eu quero nadar..quero nadar, no teu rio
Quero beber...quero beber, de tuas águas

Pois eu quero nadar..quero nadar, no teu rio, Quero beber...quero beber, de tuas águas
Existem águas que dão nos artelhos, Existem águas que dão nos joelhos, Existem águas que dão nos lombos
Mas tem águas mais fundas eu sei!


sexta-feira, 16 de abril de 2010

CONSELHOS FUNDAMENTAIS PARA
PARA ESTABELECER LIMITES
Algumas dose de paciência e calma
são essencias para enfrentar os
problemas de comportamentos
dos nossos filhos.

A crianças descobrem rapidamente que com choros, gritos e muitas vezes com comportamento agressivos conseguem o que querem, livrando-se de fazer algo que não lhes agrada. Mas com paciência e coerência, podemos ensinar-lhes formas mais adequadas de se comportarem. Os conselhos abaixo podem ser muito úteis.

OS LIMITES DEVEM SER BEM DEFINIDOS - Levando em consideração a idade da criança, devemos explicar-lhe o que pode e o que não pode fazer, estabelecendo, assim, limites. Quando falamos, temos que garantir que esta prestando atenção, colocando-nos a sua alturas, olhando nos olhos. Uma vez estabelecido o limete, devemos ser coerentes e não ceder a choros e birras.

Continua...

Família & Escola

Estava conversando com a Mariane (Grande Amiga Minha) e bem. Eu vi um informativo do Colégio 7 de Setembro sobre com os pais podem ajudar seus filhos com os estudos e postarei estas 03 dicas aki.

TAREFA DE CASA:
COMO OS PAIS
PODEM AJUDAR?
Pesquisas comprovam que
a tarefa de casa contribui, e muito, no processo de aprendizagem.

Crianças que custumam fazer "tarefas de casa" desde cedo conseguem superar os desafios de aprendizado com muito mais facilidade. Ao resolver suas tarefas, o aluno tem a oportunidade de levar dúvidas para as escola que acabam sendo resolvidas com os colegas e com os professores. Assim é desenvolvido o tão necessário hábito de estudo. Quando pensamos em tarefa de casa par criança, imaginamos algo prazeroso, um momento que ela tem para refletir sobre o que aprendeu na escola, estabelecendo trocas com a família. Quando os pais se envolvem na tarefa do filho, o sentido dessa atividade se amplia, porque há reflexão com o que está sendo estudado, e a criança sente que o ela faz tem valor e significado para a família. Segundo Lourdes E. P. Ribeiro, autora de coleção "PARA CASA OU PARA SALA", editora Mucêdula&Cia, o dever de casa tem objetivos próprios:
  • Formar hábitos de estudo;
  • Relacionar com o que se ensina na escola com o que se faz em casa;
  • Relembrar aula;
  • Criar responsabilidades;
  • Interiorizar regras e rotinas;
  • Ser bem planejado e organizado;
  • Ser de competência das crianças e não dos pais;
  • Criar um relacionamento agradável e gostoso entre criança, escola, família.
(Professora Socorro Pereira, supervisora
do Núcleo Infantil do Colégio 7 de Setembro)

CONSELHOS FUNDAMENTAI PARA ESTABELECER LIMITES
CAFÉ DA MANHÃ,UMA REFEIÇÃO IMPORTANTE PARA A CRIANÇA


quarta-feira, 14 de abril de 2010

Forte terremoto deixa ao menos 400 mortos e 10 mil feridos na China; 900 são resgatados

Do UOL Noticias
Em São Paulo

Equipes de resgate trabalham no resgate de vítimas sob os escombros de prédio na província de Qinghai, na China, região atingida por tremor de magnitude 7,1 na escala Richter

Pelo menos 400 pessoas morreram e 10 mil ficaram feridas em decorrência de um terremoto que atingiu nesta quarta-feira (14) a província ocidental de Qinghai, no noroeste da China, de acordo com balanço da agência estatal chinesa Xinhua. Já a rede de TV estatal Central China (CCTV), afirmou que mais de 900 pessoas foram resgatas com vida dos escombros.

De acordo com a Administração Sismológica Chinesa, o tremor de magnitude 7,1 ocorreu às 7h49 no horário local (20h49 de terça-feira em Brasília). Porém, o Instituto de Geofísica dos Estados Unidos (USGS) informa que a magnitude do terremoto teria sido de 6,9 pontos na escala Richter, seguido por outros dois tremores de menor intensidade.

A entidade chinesa, sediada em Pequim, informa que o epicentro do tremor aconteceu no distrito de Yushu, na província autônoma tibetana de mesmo nome, a 33 quilômetros de profundidade.

A Xinhua informa que milhares de pessoas estão sob os escombros do terremoto e que pelo menos mil soldados do Exército e 5.000 socorristas serão enviados aos pontos atingidos pelo abalo. Os hospitais da província estão superlotados e com número insuficiente de médicos.

Cerca de 700 soldados já estão no local da tragédia e participam das buscas por pessoas soterradas. Um porta-voz da secretaria de emergência da província de Qinghai afirma que autoridades ainda avaliam o tamanho real da tragédia e temem que o número de vítimas possa ser muito maior, em virtude do horário dos abalos. "Era muito cedo e as pessoas ainda estavam em suas casas", disse ele.


Mais de 85% das casas em Gyegu (cidade próxima do epicentro do terremoto) foram destruídas pelo terremoto, disse Zhuohuaxia, representante da prefeitura de Yushu, à agência Xinhua."As ruas em Gyegu foram tomadas pelo pânico e por pessoas feridas", relatou.

O governo chinês anunciou o repasse de 200 milhões de yuan (cerca de US$ 30 milhões) para atender os atingidos pelo terremoto. Segundo a Embaixada da China em Brasília, é pequena a possibilidade de brasileiros terem sido vítimas do terremoto, já que a região do sismo é pouco habitada, de difícil acesso e ocupada principalmente por minorias étnicas.

Os brasileiros, de acordo com o órgão, residem sobretudo em Pequim, Xangai e nas grandes cidades do sul da China.

Resgate precário
Relatos de várias agências internacionais informam que falta equipamento para o resgate das vítimas e os soldados usam as mãos para recolher os entulhos gerados pelos desabamentos.

“Muitos estudantes ficaram presos sob os escombros de uma escola vocacional derrubada", disse à Xinhua o assessor da prefeitura Tibetana Autônoma de Yushu. "Há feridos por toda a parte. Faltam barracas, equipamentos médicos, remédios e médicos", afirmou.

Local do tremor

A Administração Sismológica Chinesa informou que o tremor de magnitude 7,1 ocorreu às 7h49 no horário local (20h49 de terça-feira, em Brasília), no distrito de Yushu, que fica na província de Qinghai

"Nossa unidade resgatou mais de 900 pessoas dos escombros", disse Yan Junfu, um oficial do exército em Yushu.

Os condados de Yushu e Jiegu foram os mais atingidos pelos tremores desta manhã. Moradores locais contam que viram diversas casas e templos desabando. A agência chinesa diz que 85% das residências de Jiegu desabaram, obrigando o governo central do país a deslocar equipes de resgate de várias partes para atender as vítimas.

O sistema de telecomunicações da província entrou em colapso. Os telefones estão completamente mudos e as estradas que fazem a ligação com o aeroporto local foram gravemente prejudicadas.

O frio na região é intenso, e as pessoas que saíram às ruas com medo de novos abalos têm de enfrentar mais esta adversidade.

Localização
A província de Qinghai faz fronteira com o Tibete e é habitada principalmente por tibetanos, mongóis, hui (muçulmanos) e chineses da etnia majoritária han, e foi uma das zonas afetadas pelo terremoto de maio de 2008 que sacudiu o norte da vizinha província de Sichuan, deixando cerca de 90 mil mortos e desaparecidos. Na ocasião, cinco milhões de pessoas perderam suas casas no tremor.

O oeste da China, com grandes cadeias montanhosas como o Himalaia, é zona de frequente de terremotos, embora muitos deles aconteçam em áreas pouco povoadas ou desabitadas.

*Com informações das agências internacionais